terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Feel good inc.




Vicky, Cristina Barcelona será porventura um filme irrelevante na longa lista de Woody Allen, mas ficará seguramente na história do imaginário masculino, digo do cinema, pelo beijo que Maria Elena rouba a Cristina naquele laboratório de fotografia onde cabe todo o cinema que interessa. A homenagem a Truffaut, com uma reinterpretação do triângulo amoroso de Jules et Jim, agora com quatro lados e um único homem no centro, é apenas um sinal da inteligência, digo da idade, de Woody Allen. Entre a Penélope Cruz, a Scarlett Johansson e a Rebecca Hall, prefiro a Jeanne Moreau.
Publicada por Rui Hermenegildo à(s) 01:05 |  

4 comentários:

Subscrever: Enviar comentários (Atom)

ShareThis

Acerca de mim

name: Rui Hermenegildo

info: O Domínio dos Deuses, um blogue sobre condomínios

Ver o meu perfil completo